22.12.06

Os adeptos do Guiness

Ontem lá fui ao parque de jogos entre o Media Markt e o Colombo. Os bilhetes, oferecidos, indicavam um sector repleto de benfiquistas. No fundo, a incursão ao dito parque de jogos serviu para confirmar o que já sabia. A possibilidade de a vista alcançar uma gaja boa naquele local é parecida com a neve em certos locais do país. Acontece, mas é muito raro. Assim, lá fiquei entalado entre uma família, e note-se que quando digo família não me estou a refirar ao marido/mulher/filhos mas sim a marido/mulher/filhos/sogro/primos/tios, todos de fato de treino e gorro de pai natal na cabeça.
E também vi crianças com cachecois da Floribela. Um homem sentado atrás de mim ia aplaudindo as defesas do guarda-redes: "boa joaquim", dizia, isto apesar de o jogador em questão sempre ter sido conhecido no futebol por Quim. E surgiu aquele momento sempre engraçado em que não percebem, nem pelo meu subito nervosismo em cada ataque do Belenenses, que eu não sou benfiquista. Vai daí começam a meter conversa. Discutem os problemas do clube. Ontem conheci os adeptos que estão no guiness. Não é experiência a repetir. Da próxima vez prefiro pagar e ficar no sector onde se sentam os azuis.

1 Comentários:

Às 7:31 da tarde , Anonymous bruno disse...

Falta a referência à grande novidade deste ano, a de os barretes de pai natal virem com luzinhas vermelhas a piscar. Bem catita!

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial